Tap here to download the Cisco News Mobile App for the best Cisco Network mobile experience!

A rede fica mais inteligente, simples e segura com inteligência artificial e Machine Learning
• Cisco ajuda equipes de TI a entender melhor o comportamento da rede e a prever problemas, com novas capacidades de inteligência artificial e machine learning. • Desde seu lançamento, há dois anos, a rede baseada em intenção da Cisco reinventou como as redes são construídas e gerenciadas. A Cisco aumenta esse esforço com integrações multidomínio desenhadas para fornecer segurança de ponta a ponta, segmentação e experiência de aplicação. • A Cisco entregará esses avanços em software via subscrição de software, garantindo o acesso dos clientes a inovações contínuas.
 A rede fica mais inteligente, simples e segura com inteligência artificial e Machine Learning READ FULL ARTICLE

A rede fica mais inteligente, simples e segura com inteligência artificial e Machine Learning

June 13, 2019
  • Press Release

  • 114

  • Save

  • Notícias Corporativas, Core Networks

  • Cisco ajuda equipes de TI a entender melhor o comportamento da rede e a prever problemas, com novas capacidades de inteligência artificial e machine learning.

 

  • Desde seu lançamento, há dois anos, a rede baseada em intenção da Cisco reinventou como as redes são construídas e gerenciadas. A Cisco aumenta esse esforço com integrações multidomínio desenhadas para fornecer segurança de ponta a ponta, segmentação e experiência de aplicação. 

 

  • A Cisco entregará esses avanços em software via subscrição de software, garantindo o acesso dos clientes a inovações contínuas.

 

SAN DIEGO, Califórnia – Cisco Live U.S. – 13 de junho de 2019 – A Cisco anunciou no último dia 10 de junho inovações em software desenhadas para facilitar o gerenciamento e a proteção de redes. Com as empresas atuais investindo cada vez mais em tecnologias digitais, as equipes de TI enfrentam uma carga de trabalho intensificada. Para aliviar esse fardo e deixar a TI focar na entrega de inovações, a Cisco apresenta novas capacidades de inteligência artificial e machine learning para fazer as equipes de TI acompanharem a velocidade e a escala das máquinas utilizando informações personalizadas sobre a rede. Como parte dessa ampliação das capacidades, a Cisco também lança inovações para o gerenciamento mais eficiente de usuários e aplicações de ponta a ponta da rede corporativa – desde redes de campus e redes de área ampla até data centers e a borda da IoT.

Atualmente, as equipes de TI enfrentam um desafio desanimador. Segundo a 451 Research, quase dois terços das organizações relatam que suas equipes de TI estão enfrentando cargas de trabalho maiores; mas aumentar o efetivo de TI no próximo ano é possível apenas para cerca de um terço das empresas. Ao mesmo tempo, nunca foi mais imperativo que a TI propicie ótimas experiências digitais nesse cenário altamente competitivo. Aproximar os recursos disponíveis das necessidades de uma empresa exige ferramentas inovadoras de automação de redes e de analítica, abastecidas com dados e escoradas em inteligência artificial e machine learning.

Como líder em redes e segurança, a Cisco coleta um dos conjuntos de dados de telemetria mais ricos em informação e contexto do mercado de TI. Agora, a Cisco está alavancando novas capacidades de software projetadas para a utilização de dados não identificados e agregados que, quando combinadas aos 35 anos de conhecimento institucional da Cisco na construção das redes do mundo inteiro, resultam em soluções mais inteligentes que permitem as equipes TI operar mais efetivamente.

Essas novas capacidades darão às equipes de TI:

  • Mais visibilidade: Não existem duas redes iguais. Os ambientes estão sempre mudando. A Cisco coleta continuamente dados relevantes de redes locais e os cruza com o conjunto de dados não identificados agregados para criar parâmetros de rede altamente individualizados. Esses parâmetros aprendem e se adaptam constantemente conforme o número de dispositivos, usuários e aplicações cresce e conforme os ambientes mudam.

 

  • Melhores insights: A complexidade da rede aumentou para além do nível de processamento humano. A Cisco usa o machine learning para cruzar o enorme volume de dados gerados pela rede com os parâmetros individualizados da rede para descobrir as questões que terão maior impacto nela. Isso ajuda a determinar a relevância dessas questões, alertando a TI sobre aquelas que são mais importantes. Também descobre tendências e padrões, de forma que a TI possa preventivamente identificar questões antes que elas virem problemas.

 

  • Ações guiadas: A Cisco utiliza algoritmos de raciocínio de máquina e fluxos de trabalho automatizados para cumprir as etapas de resolução lógica que um engenheiro realizaria para solucionar um problema. Isso ajuda a TI a detectar complicações e vulnerabilidades, analisar as causas e executar ações corretivas mais rápido do que nunca.

 

“Com o ritmo das mudanças e da diversidade no ambiente aumentando contínua e rapidamente, a Cisco está comprometida em simplificar continuamente nossas soluções”, afirma Scott Harrell, vice-presidente sênior e gerente geral da divisão de Redes Corporativas da Cisco.  “A inteligência artificial e o machine learning podem possibilitar que as empresas consigam distinguir quais questões devem priorizar, tornando-se mais ágeis e proativas. Isso terá um efeito profundo nas operações das redes e nas equipes de TI que as administram. Na Cisco, estamos tornando nossas redes e os profissionais à prova de futuro por meio de automação e inteligência.”

Reduzindo a complexidade com a rede multidomínio

A fim de ajudar os clientes a amenizarem a complexidade sem precedentes da TI moderna, a Cisco está construindo uma arquitetura baseada em intenção que abrange cada domínio da rede – campus, filial, WAN, IoT, data center e nuvem. A Cisco criou soluções otimizadas para atender às necessidades específicas de cada um desses domínios da rede. Agora, a Cisco está introduzindo novas integrações, de maneira que os usuários tenham uma experiência segura e consistente independentemente de onde, quando e como se conectem. As novas integrações permitem que haja, de ponta a ponta:

  • Segmentação de rede: A integração do Cisco SD-Access com Cisco SD-WAN e Cisco Application Centric Infrastructure (ACI) facilita que as equipes de TI consistentemente autorizem, incluam e segmentem usuários e dispositivos em redes filiais, data centers e redes na nuvem, mesmo quando houver alterações em usuários e aplicações. Com essa segmentação, a TI consegue garantir a proteção contra acessos não autorizados a dados sensíveis e aplicações críticas.

 

  • Experiência de aplicação: A Cisco agora transfere automaticamente os requisitos de aplicações entre o data center e a WAN, permitindo que a rede selecione o melhor caminho e priorize o tráfego mesmo se aplicações forem movidas ou alteradas. Isso possibilita que as equipes de TI elevem dinamicamente o desempenho das aplicações na matriz e na filial.

 

  • Segurança difusa: Como líder de mercado em segurança cibernética, a Cisco está levando suas inovações em segurança para todos os domínios. Ao estender a habilidade de detecção de ameaças em tráfego criptografado para todas as nuvens públicas e proteger a filial e a WAN contra ameaças, a Cisco fornece a segurança de ponta a ponta de que os clientes precisam.

 

Ecossistema da Cisco impulsiona a inovação

Com a rede cada vez mais programável, o ecossistema de parceiros e desenvolvedores da Cisco tem sido crucial para gerar inovações. A fim de ajudar as organizações a acompanharem o ritmo implacável das mudanças, o Cisco DevNet – programa de desenvolvedores da companhia – iniciou esforços com o suporte da comunidade para tornar fácil e acessível a adoção das tecnologias de rede. Os recursos incluem o novo Cisco DevNet Automation Exchange, que contém um repositório de códigos selecionados para todos os níveis de casos de uso de automação de rede, e o Cisco DNA Center Platform, que ajuda tanto profissionais de redes quanto desenvolvedores de software a construir novas aplicações e integrações.

 

Disponibilidade, Licenciamento e Serviços

  • O Cisco AI Network Analytics será parte padronizada do Cisco DNA Center Assurance e será disponibilizado na próxima versão do Cisco DNA Center a partir do meio do ano. O Cisco AI Network Analytics será incluído na versão licenciada do Cisco DNA Advantage.

 

  • As integrações multidomínio serão disponibilizadas com a próxima versão do Cisco DNA Center, a partir do meio do ano. Essas integrações serão incluídas na versão licenciada do Cisco DNA Advantage.

 

  • O Cisco Customer Experience para soluções Cisco DNA acelera a implantação de soluções de rede baseadas em intenção da próxima geração, reduzindo o risco e a interrupção. O portfólio de serviços da Cisco Customer Experience oferece orientação especializada, melhores práticas e ferramentas inovadoras para ajudar os clientes na transição com maior facilidade e confiança. Isso também permite que eles inovem mais rápido, se mantenham competitivos, extraiam mais valor e obtenham um ROI mais rápido.

Informações adicionais

Sobre a Cisco:

A Cisco (NASDAQ: CSCO) é a líder mundial em tecnologia que tem feito a internet funcionar desde 1984. Seus colaboradores, produtos e parceiros ajudam a sociedade a se conectar com segurança e a aproveitar hoje as oportunidades digitais do futuro.

Para notícias sobre o Brasil, acesse: http://americas.thecisconetwork.com/site/index/lang/pt/.

Siga a Cisco no Twitter em @CiscoDoBrasil.

Also post on Post
0 Comments